Conteúdo

07/05/2019

O universo da gestão de frotas é bastante complexo, mas graças às constantes inovações o equilíbrio entre os resultados para a empresa e a segurança no trânsito  tem se tornado cada vez mais possível de ser alcançado. Além de possuir a tecnologia a seu favor, com os dados e fornecedores envolvidos, os gestores de frotas ainda podem contar com uma iniciativa que otimiza seu trabalho: a integração.

Essa iniciativa envolve todos os players da frota integrando-os em uma só plataforma, que organiza os dados e é atualizada diariamente e automaticamente. Dessa forma, todas as planilhas e atualizações manuais que o gestor de frotas ficaria encarregado tornam-se desnecessárias, além de armazenar, organizar, integrar e facilitar a gestão dos veículos e dos condutores em apenas um sistema.

A NEXTfleet é um software para gestão integrada de frotas que consegue unir telemetria, pedágio, multas e, principalmente, manutenções. “Com as integrações, o gestor não perde mais tempo construindo a informação e gerando dados, podendo investir seu tempo em ações estratégicas para a empresa. Torna-se, dessa forma, um gestor mais estratégico e menos operacional”, explica Walter Kerkhoff, diretor da Plantech, empresa idealizadora da NEXTfleet.

 

No dia a dia

Se completamente explorado, o software é capaz de fornecer dados sobre o desempenho dos veículos, os reajustes no preço de combustível e também consegue identificar quais veículos da frota são mais econômicos para determinadas rotas. Além disso, com os dados fornecidos pelo software,  o gestor de frotas pode traçar planos para melhorar o desempenho dos condutores ao volante, otimizado seus métodos de direção e consequentemente gerando economia para a empresa.

Por meio do aplicativo o gestor pode acessar o módulo “Carsharing, que busca otimizar o uso da frota. Além disso, com os dados fornecidos pelo software,  é possível identificar condutores infratores e ter acesso ao perfil de todos eles. O condutor também recebe acesso a um App exclusivo, onde pode fazer checklist completo do veículo, agendar manutenções e acompanhar o status dos mesmos.

Um diferencial do sistema é que ele possibilita a consulta de pontuação de CNH dos condutores, além da integração via API’s (Interface de Programação de Aplicativos), em um sistema onde outras empresas possam associar o software a seus serviços.

Segundo Kerkhoff, com a integração, não existe tempo perdido. “A informação chega de forma rápida e facilitada, os custos são reduzidos em função de uma melhor visualização de dados e o pensamento estratégico pode ser exercido. “, esclarece.

Ao entender melhor todos os parâmetros da gestão, a empresa pode investir mais tempo em outras áreas do seu negócio, dessa forma trabalhando de maneira rápida mas também eficiente. Por perceber o ganho de tempo e dinheiro, os fornecedores estão facilitando a integração de seus serviços.

 

Na  teoria e na prática

A TIMAC Agro, empresa francesa especializada em nutrição animal e vegetal de alta tecnologia, é um exemplo de como a integração pode transformar a gestão de frotas. “Quanto menos tempo alguém passar dedicado a fazer a operação do sistema, mais tempo essa pessoa ganha fazendo a gestão de fato. Então, a NEXTfleet nos ajuda nisso, toda a integração que o sistema nos possibilita com as locadoras, com o sistema de abastecimento, de multas e os chamados de manutenção, tudo isso deixa a minha equipe de manutenção livre para dar atenção ao meu cliente interno e para analisar os dados gerados pelo sistema para que tenhamos uma gestão ativa e não passiva”, revelou o gestor de frotas da TIMAC Agro, Gardel Colares.

Um dos desafios encontrado pelo gestor é controlar as infrações realizadas pelos condutores, o que graças ao software esse controle é feito automaticamente, reduzindo  tempo e adicionando segurança ao processo.

Além disso o software auxilia no comando dos chamados de manutenção, ou seja, quando a empresa abre um chamado para a locadora, esse chamado vai via integração para dentro do sistema da NEXTfleet, assim o gestor consegue ver em tempo real o que ele está gastando com a manutenção, qual o tipo que ele mais precisa e consequentemente acaba conhecendo o tipo de condutor da sua frota.  “Para a empresa, o principal benefício do sistema é permitir que seus clientes possam ver além da administração das frotas e sim em como melhorar o uso dela na empresa”, aponta Colares.

 

Sua frota já usa softwares integrados para a gestão? 

 

Por: Pietra Bilek, para PARAR Review. 

 

Deixe seu comentário