Whatsapp

Blog

Frota própria ou frota terceirizada: qual a melhor opção?

Blog

Frota própria ou frota terceirizada: qual a melhor opção?

23 de Novembro de 2021

Saiba quais as vantagens e desvantagens de se ter frota própria ou terceirizada, como isso afeta sua empresa e qual a melhor escolha para determinadas situações.

Uma das maiores decisões a serem tomadas por gestores de frotas leves é se compensa ter frota própria ou terceirizada. Para escolher a melhor opção para sua gestão, muitos fatores devem ser levados em consideração, como: 

 

  • saúde financeira;

  • tipo de negócio;

  • impacto da autonomia (ou falta dela) nos resultados.

 

Além desses motivos, muitos outros podem ser levados em consideração para essa grande tomada de decisão. Em virtude disso, separamos ao longo deste texto as principais vantagens e desvantagens de cada tipo, seja frota própria ou terceirizada, para que você possa fazer a melhor escolha. Aproveite a leitura!

 

Vantagens e desvantagens de frotas próprias Vantagens do uso de frota própria
Desvantagens do uso de frota própria Vantagens e desvantagens de frotas terceirizadas  Vantagens do uso de frotas terceirizadas
Desvantagens do uso de frotas terceirizadas  Frota própria ou terceirizada? O que escolher? 

 

Vantagens e desvantagens de frotas próprias

Engana-se quem acha que a gestão de frotas é algo fácil de ser feito, principalmente sem ajuda tecnológica como sistemas de telemetria e rastreamento. Porém, para aqueles que estão dispostos a enfrentar mais processos e trabalhos, ou seja, a frota própria, existem muitas vantagens e desvantagens a serem levadas em conta. Veja algumas delas:

Vantagens do uso de frota própria

 

  • Centralização da gestão: com uma frota própria, a confiabilidade nos processos e na gestão são maiores, visto que ambos acontecem em sua própria empresa e podem ser acompanhados de perto.

 

A gestão acompanha todo o processo, desde a escolha até a compra dos veículos. Isso tudo dá às empresas autonomia no processo de tomada de decisão, principalmente pela análise de dados de perto pela gestão de frotas.

 

  • Autonomia e tomada de decisão: uma frota própria também oferece mais autonomia na solução de problemas, o que facilita muito o trabalho dos gestores da empresa em questão. 

 

Como o veículo também pertence a empresa, as tomadas de decisão em relação a ele também são facilitadas e com menos restrições. 

 

  • Economia ao longo prazo: essa é uma das maiores vantagens da frota própria, visto que ao longo do tempo você pode reduzir os custos em seu processo e não precisa pagar um serviço terceirizado mensalmente.

Além do mais, em frotas próprias fica mais fácil estabelecer metas e cronogramas, ou ainda determinar orientações próprias enquanto ao uso dos veículos, o que também permite solucionar problemas muito mais rapidamente.

 

Do ponto de vista tributário, as frotas próprias também têm vantagens. Isso acontece já que 100% dos seus gastos são dedutíveis, principalmente as despesas com depreciações de bens, o que não causa nenhum prejuízo econômico e diminui a base de cálculo do Imposto de Renda e Contribuição Social diretamente.  

 

Leia mais: Os impostos na gestão de frotas: o quanto você sabe sobre eles?

 

  • Maneira de se fazer propaganda da marca: empresas que possuem sua própria frota de veículos geram mais credibilidade e um serviço mais seguro ao olhos do público, já que muitos também costumam não confiar muito em serviços terceirizados.

 

Porém, a adesivação dos veículos também pode ser feita em frotas terceirizadas, então essa é uma vantagem que atinge os dois setores, mas com uma maior liberdade de criação e tomadas de decisão na frota própria

 

  • Falta de restrição de quilometragem rodada: pela empresa gerenciar sua própria frota de veículos, não existe um limitador acerca de quantos quilômetros podem ser rodados por mês. Isso também dá mais liberdade para a gestão de frotas próprias estender o alcance de seus serviços, bem como a quantidade, o que leva mais lucros à empresa.

 

  • Prevenção de sinistros: com a liberdade na tomada de decisões que vem com a frota própria, fica mais fácil de implementar estratégias como as de prevenção de sinistros. Isso pode ocorrer principalmente por meio de treinamentos de direção defensiva e da cultura de segurança, fator que diminui muito a ocorrência de colisões e infrações de trânsito.

Já para os furtos, fazer reembolso de estacionamento para seus condutores pode ser uma medida eficiente a ser tomada, já que seu carro fica mais seguro do que se estacionado em qualquer lugar. 

 

Desvantagens do uso de frota própria

 

  • Custo elevado no início: o principal desmotivador de se adquirir frotas próprias, com toda certeza é o custo elevado apresentado no início da operação. Isso envolve custos, como a compra de veículos.

 

  • Manutenção de veículos: ao ter uma frota própria, a manutenção de veículos também passa a ser responsabilidade da gestão, que deve acompanhar de perto e seguir a risca todas as revisões para evitar maiores gastos com o desgaste dos automóveis..

 

Leia mais: Revisão de carros: por que é tão importante na gestão de frotas pequenas? 

Vantagens e desvantagens de frotas terceirizadas 

Empresas que optam por frotas terceirizadas também contam com benefícios, tais como dinheiro e tempo economizado. Apesar de não ser tão preferida quanto a frota própria, ela pode ser a melhor opção para muitos estabelecimentos. 

 

Leia mais: Carro por assinatura é novidade nas locadoras

 

Vantagens do uso de frotas terceirizadas

 

  • Redução de custos em sua implementação: em comparação ao uso de frotas próprias, as terceirizadas não necessitam de uma grande quantidade de dinheiro inicial, visto que os carros não precisam ser comprados.

 

Além disso, é dada a possibilidade para que você pesquise os preços e serviços que caem melhor em seu orçamento, o que aumenta a previsão de custos e contribui para a saúde financeira de sua empresa, já que os custos são fixos por mês e permitem uma maior flexibilidade em seus investimentos. 

 

  • Maior produtividade e liberdade para focar em outras atividades: o tempo utilizado para realizar sua gestão de frotas próprias e acompanhar todos os processos agora pode ser focado em outras atividades na empresa. Principalmente na qualidade dos serviços prestados.

A produtividade ganha pela frota terceirizada é muito grande, já que sua empresa não precisa mais se preocupar com a efetivação dos serviços, mas apenas com o acompanhamento e supervisão para garantir que as coisas estão acontecendo como o previsto e como combinado anteriormente com a locadora.

 

  • Substituição de carros: com a frota terceirizada, dificilmente sua empresa ficará parada, visto que grande parte das locadoras têm carros reservas em suas agências para uso emergencial de seus clientes.

 

Dessa forma, em caso de imprevistos, sua empresa não deixa de produzir e realizar seus serviços.

 

  • Passa uma boa imagem aos clientes: frotas terceirizadas, quando adesivadas, também podem passar uma boa imagem aos clientes. Além de disponibilizar um serviço a mais, os carros encontram-se sempre em bom estado, já que a depreciação dos veículos não é um problema da empresa, o que definitivamente passa uma boa impressão aos clientes.

 

Além disso, frotas terceirizadas costumam sempre estar renovando seus carros e adquirindo veículos novos que emitem menos poluentes e utilizam menos combustível, o que também ajuda na sustentabilidade.


 

Desvantagens do uso de frotas terceirizadas

 

  • Menor alcance dos serviços: quando empresas ficam dependentes de veículos terceirizados, problemas a respeito do alcance dos serviços podem ser recorrentes. O maior problema listado nisso com certeza é a restrição de quilômetros rodados.

 

  • Menor autonomia sobre a operação: a maior produtividade é um benefício a ser levado em consideração, mas o problema é que, com ela, vem a menor autonomia. Com menos tarefas para sua empresa, sua liberdade de escolha e de participação nas operações fica um tanto restrita, deixando apenas o processo de fiscalização.

Para que isso não seja um problema, você pode exigir em seu contrato normas mais específicas e rígidas que garantam a execução e a qualidade dos serviços terceirizados.

Frota própria ou terceirizada? O que escolher?

A maior parte das empresas levam muitos fatores em consideração para escolher entre ter frota própria ou terceirizada. Como citado anteriormente, a saúde financeira, o tipo de negócio e a autonomia nas tomadas de decisões são fatores de peso para essa escolha.

 

Para empresas que não possuem capital para investimentos grandes e querem escalar com mais agilidade, reduzir custos e focar em questões estratégicas, a frota terceirizada é a melhor opção.

 

Já para empresas grandes e bem estruturadas, com saúde financeira estável  e que possuem em seu catálogo serviços especializados como plantões 24h, a frota própria é a melhor escolha.

 

Em caso de cargas especiais e perecíveis, combinações de modais, ou ainda de uso de equipamentos especiais durante a realização dos serviços, a frota própria também disponibiliza mais segurança e vantagens.

 

É importante lembrar que, sem o uso da tecnologia, seja para acompanhar e supervisionar os processos, ou ainda para ajudar na tomada de decisão e ter mais controle em sua gestão de frotas leves, o trabalho da gestão em ambas as situações é dificultado e pode acarretar em grandes prejuízos.

 

Quer entender mais sobre como esses serviços podem ajudar sua gestão de frotas leves? Então acesse nosso e-Book gratuito sobre como potencializar seus resultados, principalmente na redução de custos com combustível e em outros setores, com um software de telemetria: